sábado, 10 de março de 2018

NASCI SIMPLESMENTE PARA VOAR - LABACEs

Mais uma vez estive caminhando nos três dias da Labace. Se fossem dez dias, com certeza estaria os dez dias lá também. Encontrei vários amigos que fiz nesta minha jornada desde os meus seis anos de idade em razão pela minha paixão pela aviação.



 PARTE UM - REENCONTRO ESPETACULAR COM O MESTRE

 Tive o prazer de entrevistar o Mestre Ozires Silva em 2015 em seu escritório e na Labace 2017 a realização de reencontrá-lo. Impossível não lembrar de seus ensinamentos em nossa entrevistas e suas mensagens que me passou foi “Você tem que pensar sempre grande. Eu nunca quis ser o rabo do leão, eu preferiria ser a cabeça de um rato. O sucesso do presente só será perpetuado com ideias novas e criativas”. Desta forma dedico este meu simples relato sobre a Labace 2017 ao Mestre Ozires Silva um dos maiores brasileiros a exemplo de Santos Dumond.




 Quem quiser ler a minha humilde entrevista com o Mestre Ozires Silva:
         http://ser-paizao.blogspot.com.br/2011/03/ele-esta-crescendo.html



PARTE DOIS - AGRADECIMENTO ESPECIAL

Meu agradecimento a Sra Beatriz e a todos os Colaboradores da Embraer!




PARTE TRÊS - ESPECIAL EMBRAER NOSSA INDÚSTRIA BRASILEIRA

Perguntei a todos o que mais lhes surpreenderam, para a grande totalidade foi o Embraer Legacy 650. Não foi nenhuma surpresa suas respostas. Não só em razão da linda e  maravilhosa pintura externa do Legacy 650,  uma verdadeira obra-prima que une estética visual e robustez com apelo de modernidade, mas também por tudo o que o Jato Legacy 650E proporciona em Custo x Benefício. Um verdadeiro sonho de consumo. Quem me dera um dia poder fazer um passeio nele. Já me dei por realizado em mais uma vez ter entrado nessa limusine voadora.

Com atualizações tecnológicas e de automação, a aeronave que já tem um excelente custo operacional e a maior cabine de passageiros da sua classe, contará agora também com uma garantia de 10 anos ou 10 mil horas de voo, algo sem precedentes na indústria.
Com assentos reestilizados, o Legacy 650E tem uma espaçosa cabine dividida em três ambientes para maior privacidade, além de um uma opção exclusiva de um toalete dedicado para a tripulação na parte dianteira da cabine.


Com tecnologias modernas, o comprovado sistema aviônico do Legacy 650E, compatível com os mais rígidos requisitos da próxima geração de controle do espaço aéreo. Além disso, dois iPads com diversos sistemas estão disponíveis no cockpit, permitindo que os pilotos usufruam de uma interface amigável, de fácil atualização e uma ampla gama de outras ferramentas de apoio à operação. Esses itens reduzem a carga de trabalho dos pilotos e criam um ambiente mais intuitivo com as conveniências tecnológicas que os pilotos desejam.
 O Legacy 650E transporta confortavelmente até 14 passageiros em três distintas zonas de cabine, com privacidade e conforto acústico superior. Além de possuir a melhor galley da sua classe e um bagageiro acessível em voo que é maior até do que de aeronaves da categoria acima, a aeronave pode ser configurada com dois toaletes. O Legacy 650E possibilita conexão de alta velocidade à internet e oferece um sistema de entretenimento de última geração em alta resolução. A aeronave tem alcance de 7.223 quilômetros .


O Legacy 650E é a primeira aeronave a oferecer garantia de 10 anos ou 10 mil horas de voo para sistemas e componentes (fabricante e fornecedores), relacionados à plataforma. Essa é a maior garantia da indústria. Garantia de interior permanece com dois anos, bem como a pintura externa (dois anos ou mil horas de voo). Motores têm garantia de cinco anos ou 2.500 horas, Unidade de Potência Auxiliar (APU) cinco anos ou três mil horas e a aviônica, cinco anos ou cinco mil horas.


Sobre a NOSSA Embraer Aviação Executiva
A Embraer é uma das maiores fabricantes de jatos executivos do mundo, tendo entrado neste segmento de mercado a partir de 2000, com o lançamento do jato Legacy. A Embraer Aviação Executiva foi constituída em 2005. Seu portfólio, o mais amplo da indústria, é formado pelos jatos Phenom 100, Phenom 300, Legacy 450, Legacy 500, Legacy 650E e Lineage 1000E. A frota da Embraer Aviação Executiva excede a marca de 1100 jatos, que estão em operação em mais de 70 países. Os clientes são apoiados por uma rede global de 70 centros de serviços entre próprios e autorizados, complementados por um Contact Center 24/7.



A Embraer atua nos segmentos de Aviação Comercial, Aviação Executiva, Defesa & Segurança e Aviação Agrícola. A empresa projeta, desenvolve, fabrica e comercializa aeronaves e sistemas, além de fornecer suporte e serviços de pós-venda.
Desde que foi fundada, em 1969, a Embraer já entregou mais de 8 mil aeronaves. Em média, a cada 10 segundos uma aeronave fabricada pela Embraer decola de algum lugar do mundo, transportando anualmente mais de 145 milhões de passageiros.
 

A Embraer é líder na fabricação de jatos comerciais de até 130 assentos e a principal exportadora de bens de alto valor agregado do Brasil. A empresa mantém unidades industriais, escritórios, centros de serviço e de distribuição de peças, entre outras atividades, nas Américas, África, Ásia e Europa.



Sobre o Legacy 450
O Legacy 450 não é um jato antigo apenas com um número de modelo novo. Começando com uma folha em branco, os engenheiros aeroespaciais da Embraer projetaram o Legacy 450 como um novo jato executivo de alta tecnologia e diferente de todos os outros da categoria mid-light. Esta inovadora aeronave é realmente uma impressionante união de tecnologia e design, definindo um novo padrão para jatos da categoria mid-light.

Com 1,83 m de altura e 7,32 m de comprimento, com um piso plano, a cabine do Legacy 450 é a maior em sua classe. Dois conjuntos de assentos centrais totalmente reclináveis, que podem ser transformados em camas, para que você consiga dormir em nossos voos. Os outros assentos disponíveis possuem opção de aquecimento e massagem, suporte giratório e movimento lateral e para frente. Assentos para até 9 passageiros.


O bar oferece uma ampla variedade de opções, incluindo forno micro-ondas e cafeteira. O Legacy 450 é o único jato executivo da categoria mid-light com uma cozinha molhada opcional. A cozinha molhada apresenta água quente e fria, com uma grande gaveta de gelo, e cristais, porcelana chinesa e prataria opcionais.


Sobre o Legacy 500
O Legacy 500 tem a melhor cabine de passageiros da sua categoria, com 1,83m de altura. Oito poltronas podem ser convertidas em quatro leitos para repouso completo em uma altitude equivalente de cabine de 6.000 pés. O sistema de entretenimento a bordo inclui vídeo de alta definição, som surround, várias opções de entrada de áudio e vídeo, sistema de gerenciamento de cabine, e três opções de comunicação de voz e conectividade.


O Legacy 500 é capaz de voar a 45.000 pés (13.716 m) de altitude e é equipado com dois motores Honeywell HTF7500E, os mais ecológicos de sua classe. Decolando de uma pista tão curta quanto 4.084 pés (1.245 m), o Legacy 500 tem um alcance de 3.125 milhas náuticas (5.788 quilômetros), com quatro passageiros a bordo, nas condições NBAA IFR. , o que permite voos sem escalas por exemplo de São Paulo a Caracas,.


Embraer Aviação Executiva apresenta Lineage 1000E
O maior jato executivo da Embraer, Lineage 1000E,  transporta até 19 passageiros em cinco zonas de cabine, e é equipado com um sistema de comando de voo eletrônico fly-by-wire.


O Lineage 1000E introduz uma série de melhorias como um alcance estendido, acabamento mais refinado e novas funcionalidades, incluindo um sistema de entretenimento de última geração, mais opções na cabine de comando, além de um design externo diferenciado.


O interior do Lineage 1000E se reflete nos novos assentos, portas elétricas, na galley reprojetada, nas mesas automáticas, na ergonomia aprimorada e em outras amenidades na cabine de passageiros. A solução de entretenimento de última geração é complementada pela melhora no conforto acústico da cabine. O novo design de interior foi alcançado por meio de uma parceria com a List Components and Furniture, da Áustria, e mediante uma extensa interação com clientes e com especialistas.


Sobre o Phenom 300
O Phenom 300 tem desempenho entre os melhores jatos da categoria light, com velocidade máxima de cruzeiro de 453 nós (839 km/h) e um alcance de 3.650 quilômetros com seis ocupantes nas condições NBAA IFR. Com a melhor razão de subida e desempenho de pista da sua classe, o Phenom 300 tem custos de operação e de manutenção menor do que seus concorrentes. A aeronave voa a uma altitude de 45 mil pés, propulsionada por dois motores Pratt & Whitney Canada PW535E, com 3.360 libras de empuxo cada.


O Phenom 300 oferece uma cabine espaçosa e o maior bagageiro de sua categoria. As maiores janelas de sua classe proporcionam luz natural abundante na cabine e no toalete. O conforto dos assentos, com capacidade de reclínio e amplo movimento é acentuado pela melhor pressurização de cabine entre os jatos leves. O Phenom 300 oferece zonas de temperatura distintas para pilotos e passageiros, uma ampla galley, opções de comunicação de voz e de dados e um sistema de entretenimento.



Sobre o Phenom 100 EV
O Phenom 100 EV tem motores Pratt & Whitney Canada PW617F1-E, com 1.730 libras de empuxo, chegando a 405 nós em velocidade de cruzeiro e até 15% mais empuxo em aeroportos elevados e com altas temperaturas, o que equivale a mais alcance e menor tempo de subida. A aeronave tem alcance de 1.178 milhas náuticas (2,182 km) com quatro passageiros e reservas NBAA IFR.


A cabine de comando permite operação com um só piloto, com alerta situacional elevado pela interface homem-máquina da aviônica Prodigy Touch, baseada no Garmin G3000, com painéis maiores e de alta resolução, telas divisíveis e novo radar meteorológico.


O Phenom 100 EV é a evolução da aeronave mais espaçosa de sua classe, com melhorias no interior, tais como novo perfil do corredor para aumentar o espaço e tomadas reposicionadas com carregador USB. A aeronave apresenta onze opções de design do interior, luz natural abundante de amplas janelas, inclusive no lavabo privativo, um recurso tipicamente visto somente em aeronaves maiores, assim como no caso do compartimento de bebidas, a escada integrada e o maior compartimento de bagagem de sua classe.


KC-390
Líder na indústria aeroespacial e de defesa da América Latina, a Embraer Defense & Security oferece uma linha completa de soluções integradas, como aplicações C4I (Comando, Controle, Comunicação, Computadores e Centro de Inteligência), tecnologias de ponta na produção de radares, informações avançadas e sistemas de comunicação, sistemas integrados de monitoramento e vigilância de fronteiras, bem como aviões militares e de transporte do governo. Com uma crescente presença no mercado global, os produtos da Embraer Defense & Security estão presentes em mais de 60 países.

Foto cedida pelo Fotógrafo Marcelo Fioravanti

A capacidade de projetar forças conjuntas em grandes distâncias é essencial para todos os militares. O KC-390 oferece uma mobilidade inigualável, proporcionando muito mais logística, muito mais rápido, muito mais, em qualquer lugar e, portanto, exigindo menos aeronaves para realizar as missões mais exigentes, além de pilotar mais missões usando o mesmo número de horas de vôo em comparação com aeronave de turbopropulsor de geração anterior. 


                                 Foto cedida pelo Fotógrafo Marcelo Fioravanti

 O KC-390 é capaz de transportar veículos de combate pesados ​​com peso até 26 toneladas métricas. Um compartimento de carga desobstruído com um volume de 169 m³ foi otimizado para fornecer espaço adicional para carga excessiva e extensiva. Para facilitar o embarque de veículos mais altos, o KC-390 está equipado com uma longa rampa de carga que reduz o ângulo de carga / descarga da carga. A aeronave também possui suportes estabilizadores hidráulicos e um guincho de carga para minimizar o tempo no solo.

Foto cedida pelo Fotógrafo Marcelo Fioravanti

Desenvolvido de acordo com os requisitos rigorosos, o KC-390 é uma aeronave de multimissão, com um design robusto que resiste às operações de pistas semi-preparadas e danificadas, bem como em ambientes agressivos, variando da floresta amazônica quente e úmida até o frio gelado Continente antártico, bem como em condições de deserto quente e arenoso.
                  Foto cedida pelo Fotógrafo Marcelo Fioravanti

 Confiabilidade, manutenção e disponibilidade foram os principais requisitos de design para o KC-390. Confiabilidade através de sistemas comprovados, arquitetura redundante e design robusto oferecem níveis de disponibilidade pendentes.



                                         Foto cedida pelo Fotógrafo Marcelo Fioravanti




PARTE QUATRO - PORQUE É UM PRAZER TER UM JATINHO ??

Somente os passageiros semanais sabem o que é enfrentar o aeroporto todas segundas e sextas feiras, para ir e voltar. Talvez tenha que enfrentar a fila para fazer o chequim e despachar a bagagem e do portão de embarque. Mesmos os passageiros Vips tem alguns privilégios como chequim ou embarque preferencial e em alguns poucos aeroportos brasileiros algumas salas vips. Mas não escapam por exemplo das filas de entrada dos carros aos acessos no Congonhas por exemplo na segunda feira pela manhã e na temível fila do Raio X do também do Congonhas que cada vez está pior. Tem que tirar o computador da bolsa, o relógio, o celular, tudo que pode ter metal. Você passa pelo RaioX e ele "apita", faltou tirar o cinto. Você volta, tira o cinto e passa novamente e apita novamente. então você se lembra que está com um sapato novo. Volta e tira o sapato. Olha para a fila atrás de você parada e todos querendo engolir você. Agora passou e não soou o Raio X. Enfim livre do Raio X!!! Não!!! Com tanto apito certamente você será escolhido para a revista pessoal. Você será abordado e convidado a ser revistado. Pode escolher o local, ali mesmo ou numa sala reservada. O funcionário irá levemente apalpar você de cima a baixo. Agora se você é um passageiro normal, então enfrenta mais filas além destas. 
Chego na sala de embarque, vou tomar um café, uma água mineral e comer um bolo de queijo, já nem me assunto mais  com o preço que irei pagar  por esse "cafézinho salgado". Aí temos uma nova fila com apenas um caixa atendendo e dez clientes na frente.
Café gostoso vamos localizar o portão de embarque 15. Andar Inferior, Salão absolutamente lotado, mais pessoas em pé que sentadas. Percebo que vários voos estão atrasados, porque os aeroportos do Sul e Rio estão fechados somente para decolagem e meu avião ainda está lá no Rio, assim atrasou tudo e cada vez chegam mais pessoas. Estão a solução é ou ficar em pé ou sentar no chão. Porque os todos os bancos estão ocupados. A boa notícia: É PROÍBIDO FUMAR!
Três horas depois de espera comunicam que seu avião pouso e em breve irá iniciar o seu embarque no portão 10, no Andar Superior e do outro lado do aeroporto, uma boa caminhada.
Algumas vezes as companhias chamam para o embarque uns quinze minutos antes antes do primeiro passageiro apresentar seu cartão de embarque ao Funcionário. Então, primeiro inicia o embarque pelos passageiro da melhor idade, depois os preferenciais das companhias e depois por fileiras. Se você for a última fileira, pode passas pelo portão de embarque até trinta minutos depois da chamada do voo. E claro, deve ter ficado em pé todo este tempo. Finalmente agora você já está no avião? Ainda não!!! Ou talvez você aguarde mais alguns cinco a dez minutos na fila do finger enquanto os passageiros vão entrando no avião, ou então vai entrar num ônibus que lhe levará até o avião, neste caso, a maioria irá em pé e ao desembarcar uma nova fila para subir a escada do avião. Enfim a bordo!!!! Sim, a bordo, mas com um problema, terás que procurar um lugar para colocar sua mala. Nesse momento a grande maioria dos passageiros já embarcaram e guardaram suas malas. Então você começa a procurar, vai até o fim da aeronave e volta, acaba fazendo isso algumas vezes. Podendo inclusive abrindo e fechando as portas dos compartilhamentos onde ficam as malas. Por fim, com todos os passageiros olhando para você o comissário pega a sua mala e despacha para o compartilhamento de carga. Pode ser pior?  Claro que pode!! Seu voo pode atrasar algumas horas ou imagina depois de tudo isso você se atrasar e perder o avião? Dá vontade de chorar!
Bom o avião decolou! Enfim. São 11:30 da manhã; Vou tentar dormir um pouquinho. Fecho os olhos. Começo a entrar na entrar no ciclo do sono. Porém ouço um grito no meu ouvido direito, acordo assustado, tem um bebê chorando ao meu lado, os ouvidos dela devem estar doendo. E com certeza vai chorar o voo todo. Nisto percebo outro ruído familiar. Do meu lado esquerdo o passageiro está roncando alto e profundamente. E eu no meio do recital do choro e do ronco. Serão 45 minutos de voo até o Rio de Janeiro. Bom, vamos tomar um café quentinho então, chega a comissária e me serve aquele café morno e aquelas bolachas água e sal. E desastroso que sou, com o aperto da poltrona, me descuido e viro o copo. Ainda bem que era água. Mas sinto o líquido gelado escorrer pelas pernas. Fico quieto, para não passar mais vergonha. Não posso nem ir ao banheiro, não quis acordar meu vizinho sortudo que conseguiu dormir. Chegamos ao Rio. Que maravilha. Estou na última fileira, aquela que não reclinou. Todos os passageiros ficaram em pé. Penso eu "a boaida está pronta para descer do avião!" Tenho que esperar mais uns dez minutos para ver todos os passageiros descerem que estão na minha frente. A senhora ao meu lado com a criança está impaciente e irritada, quer levantar e descer. Demoram a abrir a porta do avião e atrasa tudo. O pessoal em pé. Uns começam a sentar de novo. Outros pegam suas malas, apertando mais ainda o estreito corredor. Que bagunça. Os celulares saltam dos bolsos e todos apertados começam a falar e mandar mensagens. 

Agora imagina fazer isso de outra forma. Chegar ao aeroporto por um acesso exclusivo, Livre de todas as filas, da Revista Íntima, de procurar um local para guardar sua mala. E ainda mais, chegar a sala de embarque que na verdade é uma maravilhosa Sala Vip, com um maravilhoso café. Se você se atrasar ou se adiantar seu jatinho estará lhe esperando de qualquer forma.
Você fará seu voo muito mais rápido e confortavelmente numa poltrona que poderá ser transformada numa cama e com um aconchegante cobertor.







 
  
 
 


 

 
 


 

 









 









 


  




 



PARTE CINCO  - HÉLICES











PARTE SEIS -  VISITANDO O CONFORTO DE BORDO DOS JATOS






















PARTE SETE -MINHA PAIXÃO "AS MAQUETES"

Mesmo no meio de tantos jatinhos lindos e enormes que fazem qualquer mortal ficar imobilizado. Ainda um dos momentos espetaculares na Labace é estar ao lado das maquetes. Sou realista, sei que jamais irei ter um Jato e da mesma forma uma dessas maravilhosas maquetes. Mas poder admirar essas maquetes que na verdade são verdadeiras obras primas é a mesma oportunidade rara que estar dentro de um jatinho executivo.


 
 

 
 

PARTE OITO - FALTARAM ALGUNS ABRAÇOS

Na Labace 2017 procurei alguns amigos e amigas. Desta vez não os encontrei, mas  sabemos que o nosso mundo é pequeno e redondo. Assim, qualquer dia, sem combinar e marcar hora, com certeza iremos nos encontrar.
 








 

 














Meu primeiro voo foi com duas semanas de gestação, acho que é por isso que adoro a aviação. Já fiz de tudo que uma criança possa imaginar e um adolescente possa ariscar. Desde os seis anos estou no meio das empresas e do pessoal da aviação. Incontáveis as visitas em que fui recebido por presidentes, diretores, gerentes e  funcionários das mais diversas cias. Inesquecível foram as três Labace que tive a oportunidade de visitar (2014 , 2015 e 2016). Nestes meus 16 anos também fiz alguns voos solos, montei meu museu da aviação dentro do apartamento, fiz um enorme encontro de quatro dias na minha casa com artesãos que fabricam maquetes do Brasil inteiro (consegui patrocínio da Azul). Minha história foi publicada por três revistas (Tam Magazine com 4 Paginas, Asas e Aeromagazine).


 A seguir vou relembrar essas duas matérias que estão na minha página principal, junto com toda minha paixão pela aviação. Espero que leiam e gostem das matérias simples que fiz, mas com coração.    
 Mais uma vez desembarcando na Labace, graças a dois Patrocinadores Especiais que nunca me deixam na mão, ou melhor em "solo". Obrigado de coração aos meus amigos e amigas da EMBRAER e da GULFSTREAM ( em ordem alfabética ). Sem vocês não poderia ter mais uma vez realizado meu sonho de estar nessa Feira Encantada. Que é o colírio por quem ama a aviação. E mais uma vez pude compartilhar com amigos esse sonho. Aproveitei bem. Fui os três dias. E vou guardar eternamente as credenciais junto com o resto do meu acervo do Museu.

Desembarcando na Labace 2016, obrigado  GULFSTREAM e EMBRAER ! 

Um momento de reflexão! O ano 2016 será de novos caminhos a desbravar e conquistas a alcançar! Enem a frente!

  Minha Família é o centro de tudo, é o meu pilar para todas as horas. Meu aeroporto seguro.

      Tenho o prazer de poder compartilhar esses momentos com alguns dos meus amigos;

Minha mãe nestes anos, sempre este ao meu lado em todas as visitas, foi minha Logística. Meu pai sempre foi quem abriu as portas e bolou as ideias malucas. Amo vocês dois.

  

Momento especial, estava distraído e alguém se aproxima e pergunta: "Você é o Lucas, o menino apaixonado pela aviação e que tem um museu dentro de casa ?" Sou convidado para fazer uma entrevistas, depois fico sabendo que fui entrevistado junto com outros notáveis da aviação. Obrigado  Yuri do Portal Piloto Comercial.

Minhas paixões: "Maquetes" 







   Momento Especial Embraer (Adoro esses três Jatos)








  Momento Especial Gulfstream (Adoro esses três Jatos)





 
 








VOLTANDO AO GIRO DA LABACE




 






































Reencontrando os amigos .....



    Terminando o dia com um bom jantar a bordo, rumo simplesmente  a Porto Alegre.

     Por fim, entregues ao sono aéreo.

 

 

 


Está foi minha segunda Labace. Eu teria ido em todas as outras.  Mais uma vez, fiquei encantado por estar no centro mundial da aviação. Não aguentei em visitar a Feira em apenas num dia. Como em 2014 fui duas vezes. É incrível eu ter apenas quinze anos e poder estar numa feira desta dimensão. Agora minha missão é transmitir um pouquinho do que vivenciei nessas horas.
No primeiro dia, fui abraçar os amigos e conversar. Senti a ausência de muitos antigos amigos, espero que estejam todos bem. Quis saber quais as mudanças para 2015/2016 e porque não dizer, entender como a crise aterrissou na aviação civil brasileira e mundial.
No segundo dia, praticamente estive mais focado em admirar as máquinas e perceber as mudanças da Labace de 2014 para 2015.  E também aproveitei para postar algumas fotos antigas e lembrar do passado, quando visitei algumas empresas que estavam na Labace.
Agradeço em especial a Embraer que forneceu os convites para minha visita.
Muitos me disseram que eu deveria já ganhar uma credencial de jornalista, isso seria muito legal. Mas o importante é ser lembrado e convidado.

Vamos então visitar a Labace pelos meus olhos e do meu singelo celular:



PARABÉNS A EQUIPE DO PHENOM! FOI ESPETACULAR O ATENDIMENTO. SERIA UM ERRO MEU NÃO PRESTAR ESSE RECONHECIMENTO. VOCÊS FORAM SIMPLESMENTE HUMILDES E ESPETACULARMENTE ATENCIOSOS, ALÉM DE DOMINAREM TODA A TECNOLOGIA DESSE JATO. PARABÉNS A EMBRAER POR TÊ-LOS !!!









Mais uma vez fui visitar nossos amigos do Helicidade, que foi a primeiríssima empresa que visitei. Isso há muitos anos. Devia ter uns oito anos naquela época. O Estante deles estava espetacular, rodeado de helicópteros, de longe chamava a atenção. E como bom ouvinte, escutei muitos comentários nos corredores de visitantes sobre o estante do Helicidade. E claro dei aquele abraço no meu amigo Bráulio de outros tempos. E mandei outro abraço também ao Agnaldo, a Simone, Jorge, João, Francisca, Tiago, Edson e ao seu Fábio e toda a equipe da Administração e do Helicidade.




































   

 


 

 

 







































Para dar um passeio rápido numas águias, tem muito pra se escolher, uma melhor que a outra!






 CONFORTO A BORDO É INQUESTIONÁVEL. TODAS ESTÃO APROVADAS!!!

  

MEU AMIGO LUQUINHAS




 

OBRIGADO A MEUS PAIS QUE SEMPRE INCENTIVARAM EU CORRER ATRAS DE MEUS SONHOS 






Esta foi minha primeira Labace, muito legal, além de reencontrar diversos amigos que visitei desde os meus oito anos, e foram tantas empresas que abriam suas portas em sábados e domingos. Foi muito legal saber que todos vocês ainda lembravam do Luquinhas. E mais uma vez abriram as portas das aeronaves para eu entrar e novamente meus olhos transbordaram de felicidades. Não resisti e voltei no dia seguinte. Agradeço enormemente a todos vocês que souberam nesses anos todos a alimentar a minha alma, e com certeza um eu estarei cruzando os céus pilotando uma dessas maravilhosas máquinas. A cada dia fica mais perto esse momento. O apertamento de meus pais cada dia fica menor com o crescimento de meu museu. Toda hora pousa alguma lembrancinha de algum canto do Brasil e do Mundo. Parte do acervo está postado aqui, mas infelizmente não dá para postar tudo não. Felizmente é muita coisa que ganhei nestes anos.
Algumas das dezenas de fotos que tirei, se esqueci de alguém, desculpa ai. Vi de longe o amigo Ricardo Beccari e o Klaus. Procurei outros amigos mas não tive a sorte de encontrar como o Seu João do Museu da Tam, a Marisa e o escritor Roberto Andrade, awingwalker Marta Bogna (com carinho), o meus amigões Seu Denir do Clube do Manche e o Sergio Knoch do Museu da Varig.
Abraço a todos e muito obrigado.
Parabéns aos organizadores, empresas participantes e público em geral.

Primeiro tenho a agradecer a Deus e a duas pessoas especiais que tem o "dom" de abrir as portas:



E agora algumas pessoas importantes nesta minha jornada.




Legal essa maquete que ganhei do Fale com o Presidente, melhor ainda porque meus pais tiveram a sorte de entrarem na campanha dos 20 Anos da Tam.









Obrigado Gulfstream por mais uma linda maquete. Agora tenho "Pai" e "Filho"








O Museu do Lucas recebeu da Embraer dois presentes super especiais, o primeiro nem preciso dizer que foi essa super e linda maquete e o segundo um convite para conhecer a empresa em São José dos Campos, que com toda a certeza irei com minha família.
Obrigado de coração Breno Correa, vamos guardar essa maquete junto com as outras que já temos da Embraer, e não são poucas não. Mais uma vez muito obrigado!


O Museu do Lucas registrou humildemente a Labace em alguns momentos, que com certeza jamais serão esquecidos.:



















































Esses últimos meses foram um SUCESSO para o museu do Lucas, mas também de muita correria para nós que não pudemos realizar os agradecimentos a todos que entregaram a nós a guarda de suas preciosidades. Elas estarão a salvas e bem cuidadas. Mais uma vez muito obrigado a todos vocês.